Fisioterapia Pélvica na sexualidade

E chegou ao fim, a nossa série:Mas afinal, o que é Fisioterapia Pélvica?
Deixei por último a Sexualidade justamente por ser nosso tema chave aqui no Papo Indiscreto. Tema ao qual me cativou desde o primeiro contato,  por envolver  um assunto que pouco falamos, tanto entre nós mulheres quanto entre outras relações interpessoais : conjugal, terapeuta -paciente, ambiente familiar e entre amigos.

O(a) psicólogo (a) vai ser responsável por dar as ferramentas necessárias para esta mulher entrar em contato com as questões envolvidas e ter sucesso emocional na queixa sexual, porém é necessário que junto com a psicoterapia se entre em contato com as memórias físicas de sua dor e uma ferramenta importante para isso é a Fisioterapia Pélvica.

  Ao me deparar com tantas informações sobre saúde sexual, não consegui e não queria me calar. Queria informar a toda e qualquer mulher que existe um caminho para uma sexualidade saudável,  essa é a razão deste espaço,  para que você tenha acesso a informação e possa procurar na sua cidade ou no seu bairro um (a) fisioterapeuta pélvico(a) para te auxilar nesta jornada.
Mas como a Fisioterapia Pélvica pode auxiliar na Sexualidade de uma mulher?

    .
     
Em todas as áreas da saúde de um indivíduo, se por algum motivo o funcionamento daquele órgão ou daquela articulação não está adequado, é necessário procurar tratamento.
Na Sexualidade Humana não é diferente. 
Um ato sexual saudável é um ato que passa por quatro etapas :desejo, excitação ou lubrificação, satisfação sexual e resolução. Quando temos algo diferente disso, precisamos passar por uma avaliação para entender nosso corpo e saber qual o verdadeiro diagnóstico.

Vale lembrar que uma sexualidade saudável é muito mais do que atingir ao orgasmo no ato sexual, uma sexualidade saudável é uma relação saudável comigo e com o meu companheiro ou a minha companheira e qualquer problema nessas duas relações podem comprometer a saúde sexual de indivíduo.

Para um diagnóstico correto é necessário uma avaliação pélvica da(o) fisioterapeuta especializada (o), mas como a maioria das disfunções sexuais  as causas tem fatores emocionais, é necessário também uma avaliação e acompanhamento psicológico.
O(a) psicólogo (a) vai ser responsável por dar as ferramentas necessárias para esta mulher entrar em contato com as questões envolvidas e ter sucesso emocional na queixa sexual, porém é necessário que junto com a psicoterapia se entre em contato com as memórias físicas de sua dor e uma ferramenta importante para isso é a Fisioterapia Pélvica.
As disfunções em torno da sexualidade feminina são subdivididas em:
Disfunções Sexuais do Desejo –  ausência ou diminuição de desejo sexual ou libidoDisfunções Sexuais da Excitação ou Lubrificação –  falta de resposta física ou uma resposta tardia a um estímulo sexualDisfunções Sexuais da Satisfação Sexual – ausência de satisfação sexual e\ ou de orgasmoDisfunções Sexuais Dolorosa – dor durante o ato sexual
É com a Fisioterapia Pélvica que o paciente consegue vivenciar a causa da sua dor durante o sexo;
É através da Fisioterapia Pélvica que o paciente consegue resignificar o ato sexual e criar um memória diferente da aversão que tinha no início do tratamento;
É através do toque que o paciente consegue entender aonde estava todo esse tempo que  não sentia mais desejo: desejo pelo sexo, desejo pelo companheiro ou pela companheira, desejo por si, desejo pela sua vida;
É  através do tratamento fisioterapêutico que se pode olhar para o prazer, se permitindo sair do controle.
É através da Fisioterapia Pélvica que existe a possibilidade de realizar o resgate da sua identidade e simplesmente viver: de forma leve, responsável, autêntica e LIVRE!

Escrito por Aline Vieira da Rocha

Tags: Sem tags
0

Deixe seu comentário

Seus dados não serão publicados!